Diagnóstico de paciente descarta suspeita de morte por Sars em SP

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 29 de maio de 2003 as 02:21, por: cdb

O homem que morreu na última segunda-feira, no Hospital Luzia de Pinho Melo, em Mogi das Cruzes, em São Paulo, era portador de hantavirose.

A secretária de Saúde de São Paulo afirmou, nesta quarta-feira, que o diagnóstico do paciente descarta a possibilidade de ele ter contraído a chamada pneumonia asiática.

A identificação da hantavirose é difícil, pois não apresenta sintomas específicos. No tipo de hantavirose constatada no Brasil, sintomas como febre, vômitos e dores no corpo evoluem rapidamente para complicações pulmonares que levam a morte.