Desábato diz que Grafite deve desculpas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 11 de maio de 2006 as 13:41, por: cdb

O zagueiro argentino Leandro Desábato, do Quilmes, acha que Grafite lhe deve desculpas. Há pouco mais de um ano, o jogador passou dois dias na prisão por supostas ofensas racistas ao então atacante são-paulino em uma partida válida pela Libertadores.

O defensor lamentou jamais ter recebido um telefonema do brasileiro. – Não conversei com Grafite depois de tudo aquilo. E, se alguém tem de pedir desculpas, esse alguém é o Grafite. Fizeram algo errado, mas ele nunca veio falar comigo.

De qualquer maneira, Desábato garantiu não guardar mágoas por conta do episódio. Ele contou que pretende retornar ao Brasil e não descartou atuar por uma equipe daqui.

– É uma coisa que não descarto, pode acontecer um dia. Antes de jogar no Quilmes, eu recebi algumas sondagens de times do futebol brasileiro. Tenho de analisar bem caso receba alguma proposta.

– Acho que vou voltar ao Brasil sem nenhum ressentimento, não tenho mágoa dos brasileiros. Foi um momento duro para mim, principalmente naqueles dois dias em que fiquei preso. Vou voltar ao Brasil sem nenhum inconveniente.