Deputados devem votar MP dos transgênicos dia 11

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 29 de outubro de 2003 as 10:21, por: cdb

A medida provisória (MP) que liberou o plantio de soja transgênica no Rio Grande do Sul sem estudos prévios sobre impacto ambiental já recebeu 190 emendas de parlamentares. Os deputados federais deverão votar a MP no dia 11 de novembro.

O relator da matéria na Câmara, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), quer discutir com a empresa Monsanto uma espécie de parceria com os produtores rurais, pois acredita que eles não podem arcar sozinhos com possíveis prejuízos causados pelas sementes geneticamente modificadas. “Se tiver que pagar royalties para usar as sementes, que a empresa ajude nos prejuízos”, disse à Globonews.

O governo federal deverá encaminhar um projeto de lei sobre biossegurança ao Congresso Nacional ainda esta semana. A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, quer que no projeto sejam ressalvadas as competências e a atuação de órgãos responsáveis com relação ao plantio de transgênicos.

O líder do Partido Verde, José Sarney Filho, disse que que votará contra o projeto do governo se o mesmo não for ambientalmente responsável.

A bancada ruralista no Congresso quer derrubar a proposta do governo. Eles acreditam que o projeto cria dificuldades que, na prática, inviabilizam os transgênicos no Brasil. A bancada diz que governo quer politizar a questão, mesmo que líderes governamentais digam que as decisões sobre o assunto serão tomadas sempre a partir do ponto de vista ténico e científico.