Defesa Civil faz vistoria em áreas de risco em todo o país

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 1 de novembro de 2006 as 15:49, por: cdb

A Defesa Civil começou nesta quarta-feira operações de alerta em áreas de risco, para evitar mortes provocadas pelo excesso de chuva em várias regiões do país. Nesta madrugada, uma mulher morreu vítima de soterramento em Juiz de Fora (Minas Gerais). Foram quatro horas de chuva forte, o equivalente à média histórica de todo o mês de novembro na região.

Em todo o país, 27 pessoas já morreram por causa de temporais entre janeiro e julho de 2006. No ano passado, foram 85. Para evitar novas tragédias, técnicos estão percorrendo áreas de risco e orientando a população que vive nesses pontos. Em Sabará (MG), 120 moradores foram alertados. Dezesseis famílias vão ter que sair de seus barracos.

Neste ano, foram feitas parcerias entre Secretarias de Defesa Civil e institutos de meteorologia. Avisos de temporais serão divulgados com até três dias de antecedência.