Cruzeiro encara o Fortaleza para se manter na liderança do Brasileiro

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 31 de outubro de 2003 as 21:07, por: cdb

A partida de domingo entre Fortaleza e Cruzeiro vai reunir duas equipes que têm ambições distintas no Campeonato Brasileiro. Os mineiros querem mais três pontos para se aproximar do título da competição, enquanto o Tricolor cearense luta desesperadamente para sair das últimas posições da tabela.

Em 22º lugar, os jogadores do Fortaleza que prometem partir para cima dos mineiros para vencer em casa, pois não querem fazer feio diante de sua torcida. O treinador Márcio Araújo chegou a pensar na possibilidade de deixar o time mais ofensivo, com quatro atacantes, mas mudou de idéia. “Esta formação ficou muito ofensiva, mas deixava a desejar na marcação”, explicou.

Já o Cruzeiro está indo para a capital do Ceará com o objetivo de derrubar o Leão e conquistar a primeira das cinco vitórias que faltam para garantir o título inédito ao clube. E para ambientar os jogadores ao calor da cidade, o técnico Vanderlei Luxemburgo adiantou o horário dos treinamentos desta semana para aproveitar o sol do meio da tarde.

O time celeste terá um desfalque importante para enfrentar o Tricolor. O atacante Aristizábal, ainda muito gripado, foi vetado e deverá ser substituído por Márcio Nobre. No meio, Zinho ou Wendell disputam uma vaga para compor o setor.

Pelo lado dos cearenses, o treinador Márcio Araújo irá manter a mesma equipe que empatou em 2 x 2 com o Criciúma, na última rodada. Apenas o zagueiro Erivelton não teve sua escalação confirmada, já que levou uma cotovelada no olho direito, que permanece muito inchado. Caso seja vetado, Carlinhos entrará em seu lugar.

CRUZEIRO x FORTALEZA

Data: 02/11/2003 (domingo)
Local: Estádio Castelão, em Fortaleza (CE)
Horário: 16 horas
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (RS) e Paulo Ricardo Silva Conceição (RS)

Cruzeiro
Gomes; Cris, Thiago, Leandro e Maurinho; Maldonado, Recife, Zinho(Wendell) e Alex; Aristizábal (Márcio Nobre) e Mota.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Fortaleza
Renato; Chiquinho, Erivélton (Carlinhos), Ronaldo Angelim e Sérgio; Erandir, Dino, Richarlysson e Mazinho Loyola; Finazzi e Rena.
Técnico:Márcio Araújo