CPI do Banestado pede exumação do corpo de ex-diretor do banco

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 14 de outubro de 2003 as 14:15, por: cdb

Em reunião na Assembléia Legislativa do Paraná, os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Banestado decidiram nesta segunda-feira pedir, em caráter de urgência, a exumação do corpo de ex-diretor do banco e ex-secretário de Esporte e Turismo Osvaldo Magalhães dos Santos, que morreu em acidente de carro em setembro de 1998. Os deputados alegam falhas no laudo sobre a morte do ex-secretário, e o relator da CPI, Mauro Sérgio Bradock, afirma que, sem os exames detalhados do Instituto Médico Legal (IML) não há como comprovar que o corpo encontrado no local do acidente era realmente o dele. O acidente ocorreu quando o ex-secretário era acusado de liderar uma fraude milionária no Banestado.