Corinthians fica a um empate da final da Mercosul

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 22 de novembro de 2001 as 02:49, por: cdb

O Corinthians venceu o San Lorenzo, da Argentina, de virada e está a um empate da final da Copa Mercosul. Além da vitória no Pacaembu, o time paulista está perto de se vingar do time argentino, pois foram eles que eliminaram o alvinegro paulista nas quartas-de-final em 1999.
Se o Corinthians passar à final, o Brasil vai manter a tradição de fazer a final da Copa Mercosul. Já que o Flamengo e Grêmio fazem a outra semifinal. Desde a primeira edição em 1998, as finais foram decididas por times brasileiros.
Vanderlei escalou o time com três atacantes (Luizão, Deivid e Gil) e três volantes e no início da partida o time brasileiro deu a impressão que iria pressionar o time argentino. Mas foi apenas impressão e aos 15 minutos o San Lorenzo jogou um balde de água fria na torcida corintiana. Franco recebeu lançamento na área e ajeitou de peito para Romeo, artilheiro da competição, marcar para o time portenho.
Em desvantagem no placar, o time de Luizão decidiu partir para cima, mas deixava muitos espaços para os contra-ataques. E perdeu duas oportunidades de empatar o jogo, uma aos 32 minutos, com Fabinho, e outra aos 34, com Gil.
O Corinthians voltou para o segundo tempo com duas alterações, saiu Rodrigo Pontes e entrou Pingo, que jogou na lateral-direita e Fabinho foi para o meio, e Luciano no lugar de Gil.
As alterações deram certo e o time começou a marcar melhor e conseguia pressionar os argentinos. E aos 20 minutos, Fabinho cruzou da direita e o zagueiro Scheidt marcou de cabeça.
Aos 33 minutos, o time paulista chegou ao gol da virada com Luizão, aproveitando cruzamento de Ricardinho pela esquerda, fazendo Corinthians 2 x 1 San Lorenzo.