Coréias disputam jogo de futebol histórico

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 7 de setembro de 2002 as 17:30, por: cdb

As seleções de futebol das Coréias do Norte e do Sul fizeram um jogo histórico neste sábado, em Seul, na Coréia do Sul.

No primeiro confronto entre os dois times em dez anos, o jogo amistoso chamado de “Partida da Reunificação” terminou com um empate sem gols.

Ao todo, 60 mil torcedores lotaram o estádio com bandeiras brancas e azuis, que simbolizavam a península unificada.

A Coréia é dividida desde o fim da Segunda Guerra Mundial. A parte norte tem um regime comunista, enquanto no sul impera a economia de mercado.

Reaproximação

Os países iniciaram um período de reaproximação política no fim do século passado, mas as relações voltaram a se tornar frias no ano passado.

Agora, o governo comunista da Coréia do Norte tem procurado reestabelecer o contato diplomático.

Neste sábado, quando os jogadores entraram no estádio de Seul, os torcedores gritaram palavras de apoio a uma Coréia unificada.

Todas as jogadas foram aplaudidas, mas os atletas mais celebrados foram os quatro sul-coreanos que participaram da campanha do país na última Copa do Mundo.

Antes do jogo, não houve a execução dos hinos nacionais. Em vez disso, todos os jogadores cantaram juntos uma música tradicional coreana.

“Essa é uma partida marcante. O futebol pode aproximar as Coréias do Norte e do Sul”, disse o presidente da Federação Coreana de Futebol, Chung Mong-joon.