Coréia do Norte continuará com o programa nuclear

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 29 de março de 2003 as 16:24, por: cdb

A Coréia do Norte anunciou que não fará qualquer concessão aos Estados Unidos para encerrar a atual crise sobre o seu suposto programa de armas nucleares.

Num forte comentário publicado pelo jornal estatal Rodong Sinmun, o país disse que fará o possível para reforçar suas defesas para evitar o que chamou de “infeliz destino do Iraque”.

A Coréia do Norte disse que, embora ainda fosse muito cedo para fazer um julgamento sobre a guerra, estava claro que a situação iraquiana se devia em parte às concessões que o país fez, ao permitir a inspeção de armas por parte da ONU (Organização das Nações Unidas).

Pyongyang se encontra em um impasse com a ONU sobre seu suposto programa de armas nucleares.

Japão

Na manhã de sábado, o Ministro da Unificação da Coréia do Sul tentou acalmar os ânimos na península, ao assegurar a uma comissão parlamentar que os Estados Unidos não pretendem atacar a Coréia do Norte.

O país chocou a região cinco anos atrás quando lançou um míssil de longo-alcance contra o Japão, um histórico adversário do país.

Recentemente, um relatório do governo japonês, disse que a Coréia do Norte deve em breve testar um míssil capaz de atingir as cidades japonesas mais importantes.