Contusões são os maiores adversários do Botafogo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 22 de agosto de 2001 as 17:10, por: cdb

Além dos adversários que enfrenta dentro de campo, o Botafogo tenta driblar outro problema nesse Campeonato Brasileiro: as contusões. A bruxa está solta em Caio Martins. Após perder Sandro e Leandro Ávila, o técnico Paulo Autuori corre o risco de ficar sem Cláudio. Isso sem contar com Taílson, que levou uma pancada no joelho no jogo contra o Santos e ontem não treinou com os demais companheiros para fazer tratamento com gelo.

Os problemas de contusão começaram logo na primeira rodada. Aos 13 minutos do jogo contra o América mineiro, o atacante Felipe sofreu uma luxação no cotovelo e está até hoje em tratamento. Depois foi a vez de Ronaldo, que na segunda rodada sofreu um estiramento na coxa e ficou fora do time por 14 dias.

Os problemas continuaram e, nos últimos dois jogos, o técnico Paulo Autuori ganhou dois desfalques certos para o jogo contra o Gama, no domingo: o zagueiro Sandro e o cabeça-de-área Leandro Ávila, ambos com problemas na coxa esquerda.

Sandro sofreu um forte estiramento durante o jogo contra o Goiás e, segundo o médico do clube Joaquim da Matta, deverá ficar pelo menos quatro semanas em tratamento.

Já o caso de Leandro Ávila é mais simples. O exame de ressonância magnética mostrou que o jogador tem apenas um leve edema no músculo posterior da coxa.

– O caso do Leandro é parecido com o do Ronaldo, acredito que dentro de 15 dias estará em campo. Ele ficará cinco dias em repouso e depois começaremos os trabalhos na piscina – disse Joaquim da Matta.

Mas os problemas não param por aí. Durante o treino de ontem, o atacante Cláudio sentiu uma fisgada no músculo adutor da coxa direita e, amanhã à noite, fará um exame de ressonância magnética para saber a gravidade da lesão.

– O time fica parado dois meses e depois os jogadores pegam seis jogos em 19 dias. Ninguém agüenta – protestou o médico do clube.

O caso de Taílson não preocupa. Ele levou uma pancada no joelho contra o Santos, mas já treina hoje.