Confusão nas Laranjeiras

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 21 de outubro de 2003 as 12:41, por: cdb

A situação está cada vez mais grave no Fluminense. Durante o coletivo da manhã desta terça-feira, alguns integrantes de uma facção de torcida organizada do clube começou a fazer protestos e, em dado momento, o torcedor Ricardo Gomes, de 31 anos, atirou seis galinhas no gramado das Laranjeiras. Romário não gostou e tudo acabou em briga.

Após o fim do treino – funcionários do Fluminense retiraram as aves do campo e o coletivo prosseguiu, após breve conversa entre o técnico Renato Gaúcho e os jogadores -, o atacante, acompanhado do fisioterapeuta e amigo Fernando Lima, partiu para cima de Ricardo e o agrediu fisicamente.

“Você está querendo esculachar a gente no nosso trabalho. Aqui é todo mundo homem. Vem fazer na mão, só eu e você”, bradou Romário, antes do começo da briga, que também envolveu alguns outros torcedores. Seguranças do clube e um destacamento da Polícia Militar intervieram para acabar com a confusão.

Além do lançamento de galinhas, o protesto incluiu xingamento de quase todos os jogadores, que foram chamados de pipoqueiros e mercenários, entre outros vocábulos impublicáveis. As reclamações em geral incluíram os gritos “bando de safados” e “time sem alma”. Neste clima, o Fluminense terminou sua preparação para enfrentar o Corinthians, amanhã, no Maracanã.