Conflito em Karbala deixa 22 mortos

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 9 de abril de 2004 as 09:11, por: cdb

Pelo menos quinze iraquianos e seis peregrinos iranianos morreram nas últimas horas em Karbala atingidos por disparos das tropas búlgaras e polonesas. A cidade, situada ao sul de Bagdá, é considerada santa pelos xiitas.

Os quinze iraquianos eram membros da milícia rebelde xiita Exército Al Mahdi, do líder religioso Muqtada Al Sadr, que enfrentaram soldados búlgaros que patrulham a localidade. Os seis peregrinos iranianos morreram em um posto de controle das forças polonesas na periferia da cidade.

Os novos incidentes acontecem às vésperas da celebração no domingo em Karbala da festa do Arbain, para que os xiitas lembrem o assassinato de Al Hussein, filho do quarto califa depois do profeta Maomé, Ali bin Abu Taleb, no século VII.

Está previsto que milhões de pessoas viajem para Karbala este fim de semana por causa dessa comemoração, junto à vizinha Najaf a principal cidade santa xiita do Iraque, cuja região sul, onde essa comunidade é majoritária, está em estado de insurreição depois da chamada nesse sentido lançada há seis dias pelo rebelde Muqtada Al Sadr.