Condoleezza Rice se reúne com a comissão que investiga atentado de 11/9

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 26 de março de 2004 as 02:49, por: cdb

A conselheira de Segurança Nacional da Casa Branca, Condoleezza Rice, aceitou se reunir de forma privada com os membros de uma comissão independente que investiga os atentados do dia 11 de setembro de 2001. Uma carta do conselheiro jurídico da Casa Branca, Alberto González, dirigida ao presidente da comissão solicitou hoje que ela tenha uma oportunidade de falar.

González escreveu a nota depois que os membros da comissão se queixaram ante a negativa de Rice de comparecer para explicar seu papel na luta contra o terrorismo antes dos ataques que mataram mais de 3 mil pessoas. A comissão concluiu hoje dois dias de audiências nas quais o ex-conselheiro da Casa Blanca Richard Clarke denunciou que o Governo do presidente George W. Bush desprezou a importância da ameaça terrorista representada pelo grupo Al-Qaeda.

– Em vista da audiência de ontem na qual houve uma série de caracterizações equivocadas de suas declarações e de suas posições, Rice solicita se reunir de forma privada com a comissão – manifestou González na carta.

A possibilidade de Rice pedir a reunião tinha sido anunciada pouco antes pelo porta-voz da Casa Branca, Scott McClellan. Ela acusou Clarke de mudar continuamente de posição e de aplaudir a posição de Bush contra o terrorismo para criticá-la depois.