Comitiva de Moçambique conhece gestão e programas da EMDEC

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de março de 2012 as 13:16, por: cdb

Comitiva de Moçambique conhece gestão e programas da EMDEC

23/03/2012 – 16:09

  

 Gilson Rei

 

Um grupo formado por 12 especialistas, técnicos e autoridades do setor público de Moçambique veio a Campinas nesta sexta-feira, dia 23 de março, para conhecer de perto o sistema de trânsito e transporte gerenciado pela Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (EMDEC) e os programas de Mobilidade Urbana aplicados na cidade.

 

O secretário de Transportes e presidente da EMDEC, André Aranha Ribeiro, trocou informações com o grupo no início da manhã com um relato sobre o sistema desenvolvido no município, repassando dados sobre a frota, população, infraestrutura viária, rede semafórica, terminais e estações, entre outras informações. “Este tipo de intercâmbio é fundamental para o aperfeiçoamento das práticas diárias de gestão e de melhoria no sistema e na Mobilidade Urbana”, afirmou Ribeiro.

 

Moçambique tem uma frota de 500 mil veículos e conta com 450 mil condutores legalizados para atender a uma população de 20 milhões de habitantes. O sistema de transporte começa a desenvolver programas com vistas ao crescimento populacional do País, que inclui a ampliação dos sistemas viários e rodoviários.

 

Os especialistas da EMDEC apresentaram a rotina do sistema de operações e como o controle semafórico evoluiu nos últimos 15 anos. Com uma frota de 782,3 mil veículos e uma população de 1,1 milhão de habitantes, Campinas conta hoje com semáforos em 497 cruzamentos.

 

Mobilidade e sistema viário

 

Entre as modernizações aplicadas nos últimos anos, a EMDEC mostrou como funciona a rede coordenada de semáforos (Onda Verde), a tecnologia LED nos semáforos, as Centrais de Monitoramento e as redes que são controladas pela Estação Semafórica.

 

Os projetos e as práticas diárias da área de Desenvolvimento e Infraestrutura Viária foram também objeto de debate. Os profissionais de Moçambique conheceram o transporte de passageiros, a bilhetagem eletrônica e toda a estrutura de veículos do transporte coletivo público e o transporte de interesse público, que inclui fretados, seletivos, especiais, táxis e veículos adaptados para deficientes.

 

A equipe da EMDEC mostrou também alguns projetos de melhoria da Mobilidade Urbana no sistema viário e os estudos, pesquisas e estatísticas da área de Georeferenciamento de Dados.

O trabalho na área da Educação para Mobilidade Urbana foi um dos destaques na visita. A comitiva conheceu, por exemplo, a campanha “Preferência pela Vida”; a campanha “A Bebida nos Confunde, Se Beber Não Dirija”; os programas permanentes nas escolas e a Semana Municipal de Trânsito; além de concursos e eventos.

 

Foram apresentadas, ainda, as ações constantes nas escolas do programa “A gente aprende, Agente Ensina”; “Leitura: a Melhor Viagem”; “P.A.R.T.Y. (de prevenção a traumas provocados pelo consumo de bebida alcoólica entre os jovens)”; “ArteMob”; e as campanhas aplicadas nos períodos de Carnaval e Volta às Aulas.

 

No período da tarde, a comitiva conheceu a Central Integrada de Monitoramento de Campinas (CIMCamp); o Terminal Rodoviário Ramos de Azevedo; os terminais da cidade e as estações de transferência.