Comissão do Senado aprova nomes de dois novos conselheiros do Cade

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 29 de março de 2011 as 11:10, por: cdb

Lourenço Melo
Repórter da Agência Brasil

Brasília – A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou, há pouco, por unanimidade, a indicação de Marcos Paulo Veríssimo e Elvino de Carvalho Mendonça para o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), órgão do Ministério da Justiça. Indicados para o cargo por meio de mensagem encaminhada pela Presidência da República e aprovados depois de sabatinados pela CAE, Veríssimo e Mendonça terão seus nomes votados ainda hoje (29) pelo plenário do Senado.

Na sabatina, apenas o líder do DEM, Demóstenes Torres (GO) questionou o fato de Veríssimo e Mendonça terem omitido no currículo a participação em escritórios de advocacia. Veríssimo disse que prestou serviços ao escritório mencionado pelo senador entre 2005 e 2007, mas ressaltou que não tem mais vínculo com ele.

Mendonça, por sua vez, informou que seu nome constava na internet em um escritório especializado ao qual apresentou apenas um trabalho específico. Veríssimo e Mendonça atribuíram a dúvida quanto ao vínculo com os escritórios à falta de atualização dos sites na internet.

Os dois candidatos ouviram críticas dos senadores ao fato de as decisões do Cade “serem lentas e prejudicarem as empresas, tendo em vista a dinâmica de trabalho do mundo globalizado”. Veríssimo e Mendonça destacaram, então, os avanços que deverão ocorrer no do Cade se for aprovada a proposta de reformulação do conselho que tramita no Congresso Nacional. Eles disseram que, com reformulação, as decisões do Cade serão tomadas com mais agilidade, uma vez que a proposta prevê inclusive aumento do quadro de pessoal e nova sistemática de trabalho.

Edição: Nádia Franco

CAEPolíticaSenadocadedireito econômico