Comissão de reforma do Código Penal ouvirá secretários de segurança

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 1 de março de 2012 as 06:14, por: cdb

A comissão de juristas encarregada de elaborar a proposta de reforma do Código Penal se reunirá no dia 8 de março com os 27 secretários de segurança pública do país, para ouvir e debater sugestões que poderão ser aproveitadas na elaboração do anteprojeto a ser apresentado ao Senado.

O encontro será realizado a partir das 8h30 na Subcomissão Permanente de Segurança Pública, no âmbito da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado.

O ministro do STJ Gilson Dipp preside a comissão de juristas, que tem 16 membros. Eles trabalham desde outubro nos estudos para a modernização do Código Penal, que já tem quase 72 anos de vigência e é considerado atrasado em relação às atuais exigências da sociedade brasileira.

No dia seguinte ao encontro com os secretários, a comissão de juristas se reunirá novamente no Senado, às 10h, para definir os próximos compromissos. Dois eventos já estão definidos.

Uma audiência pública se realiza no dia 23 de março no auditório do Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília. Nela, devem ser apresentadas sugestões em relação aos crimes contra a administração pública. Também está marcado um seminário em Aracaju (SE), no dia 13 de abril, cujos temas deverão ser definidos na reunião do dia 9.

Propostas sobre a reforma estão sendo recebidas no site do Senado. As sugestões podem ser enviadas individualmente ou por organizações da sociedade civil.

A primeira audiência pública da comissão foi dia 24 de fevereiro, em São Paulo, ocasião em que foram recolhidos subsídios para o capítulo que trata dos crimes contra a vida.

O prazo fixado inicialmente para apresentação do anteprojeto do novo Código Penal termina em 25 de maio, mas pode ser prorrogado. O texto será analisado pelo Senado e depois pela Câmara dos Deputados.