Começa a exposição ‘Turner Prizer 2003’ em Londres

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 30 de outubro de 2003 as 02:57, por: cdb

Foi aberta na última quarta-feira em Londres a exposição ‘Turner Prize 2003’. Os artistas que expõem trabalhos e concorrem aos prêmios são Jake/Dinos Chapman; Graysson Perry; Anya Gallaccio e Willie Doherty.

Uma das obras da dupla Jake/Dinos Chapman é ‘Morte’, uma das grandes obsessões dos artistas, que é o nome dado às bonecas infláveis em posição de sexo oral. Outra instalação da dupla é ‘Sexo’, uma fantasia gótica com um cenário que inclui corpos mutilados pregados numa árvore sendo devorados por moscas, ratos e vermes.

Grayson Perry mostra seu vasos nas obras ‘Eu era um irado operário’, com um pit bull terrier dourado, e ‘Criança sensível em apuro’. As instalações são autobiográficas e surpreendentes.

O principal tema de Anya Gallaccio é a gerbera, uma flor industrial produzida na Holanda, que não tem cheiro. As flores decoram toda uma parede.

A mais emocional de todas as peças de Willie Doherty é um filme que mostra um homem fugindo da ponte Craigavon em duas cenas. Numa delas o homem foge da câmera e em outra ele corre em direção à ela.

Pela primeira vez, o público poderá opinar sobre quem deve ganhar o prêmio, que será entregue em 7 de dezembro, através de pesquisa. A votação começa neste sábado através dos sites do jornal britânico ‘The Guardian’, do Tate e do Canal 4.