Combate ao tráfico de animais nos aeroportos é itensificado pelo Ibama

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 3 de junho de 2003 as 22:53, por: cdb

Intensificar as atividades de controle e fiscalização da legislação ambiental nos aeroportos com ênfase no combate a biopirataria, é o principal objetivo da ação que o Ibama está desenvolvendo nos principais aeroportos de movimentação de cargas no país, durante a Semana do Meio Ambiente, comemorada entre 02 e 06 de junho.

A campanha está sendo realizada pela Coordenação Geral de Fiscalização Ambiental do Ibama nos aeroportos de Porto Alegre (RS), Belém (PA), Guarulhos (SP), Galeão (RJ), Guararapes (PE), Juscelino
Kubitschek (DF), Eduardo Gomes, em Manaus (AM).

O trabalho é desenvolvido através de uma ação de informação e orientação aos usuários de transporte aéreo e aos funcionários de empresas do setor.

– Queremos ter esse público como parceiros do Ibama, auxiliando no controle e fiscalização do transporte de cargas vivas (animais silvestres), produtos e subprodutos (material genético) da fauna, flora e pesca, e de substâncias potencialmente nocivas ao meio ambiente e à saúde humana – afirma o coordenador de fiscalização ambiental do Ibama, Marcelo Marquesini.

Como suporte ao trabalho cartazes e folderes que estão sendo afixados e distribuídos à população.

O coordenador explicou que a estimativa, tanto de ambientalistas quanto do próprio Instituto, com relação ao comércio ilegal da fauna silvestre brasileira é da ordem de mais de 38 milhões de espécimes por ano, com saídas para o exterior pelos portos e aeroportos.