Com Robinho e R. Oliveira, Brasil fará testes contra Hong Kong

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 8 de fevereiro de 2005 as 13:23, por: cdb

A seleção brasileira utilizará o amistoso de quarta-feira contra Hong Kong como um preparatório para o confronto com o Peru, válido pelas eliminatórias da Copa do Mundo, no próximo mês.

Embora o atacante do Real Madrid Ronaldo não vá atuar, o técnico Carlos Alberto Parreira poderá escalar um time forte para jogar no primeiro dia do ano novo chinês. A principal novidade é o atacante Robinho no time titular.

No treino realizado nesta terça-feira no Hong Kong Stadium, Parreira definiu o time titular para a partida com Júlio César, Cafu, Lúcio, Juan e Roberto Carlos; Emerson, Juninho Pernambucano, Zé Roberto e Ronaldinho Gaúcho; Robinho e Ricardo Oliveira.

O Real Madrid fez um acordo com Ronaldo para que ele não viajasse para o jogo, que também não contará com o atacante Adriano, da Inter de Milão, também lesionado.

Ronaldo, que esteve em campo 99 vezes pelo Brasil, se casará com a modelo e apresentadora da MTV Daniella Cicarelli em uma requintada recepção em um chalé parisiense no Dia dos Namorados, e sua ausência será sentida em Hong Kong.

“É frustrante que o Ronaldo não possa jogar aqui, mas isso é algo além do nosso controle”, disse o secretário-geral da federação de Hong Kong, Martin Lam.

Além de Roberto Carlos, o Brasil terá força total e incluirá o melhor jogador do mundo em 2004, o meia Ronaldinho, Cafu e Robinho.

Enquanto Hong Kong, 134a. no ranking da Fifa, provavelmente não dará muita dor de cabeça à melhor equipe do mundo, o time permitirá a Parreira uma rara oportunidade de ver seu conjunto antes da partida pelas eliminatórias no mês que vem.

Os atuais campeões mundiais não jogam desde a derrota por 1 x 0 diante do Equador em 17 de novembro.

“Não importa o adversário, nós sempre conseguimos algo positivo dessas partidas e levaremos isso muito a sério”, afirmou Parreira.