Coleção da Santa Ephigênia tem clima cigano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 12 de janeiro de 2005 as 18:33, por: cdb

O Leste europeu e as ciganas são a grande inspiração da grife Santa Ephigênia, que desfilou nesta quarta-feira no Fashion Rio. A apresentação, intitulada Gitane, abriu o segundo dia de desfiles do evento e apostou na volúpia e na paixão, mas sem deixar o corpo à mostra ou exagerar nos acessórios, o que seria uma alternativa óbvia demais.

A coleção tem sobreposições e até influências masculinas no corte de casaquinhos e jaquetas. Saias no joelho aparecem com bastante volume ou longas em tecidos fluidos. Cachecóis e peles sintéticas ajudam a compor o mix com brilhos, pompons e penduricalhos.

Marco Maia e Luciano Canale usaram cores fortes como o vermelho, o marrom, o cru envelhecido, o ouro, o preto e o azul. O abuso nas estampas também foi uma alternativa para deixar a coleção mais exótica.

O gorro apareceu em quase todos os looks do desfile, que também pediu bolsas gigantescas e cheias de interferências e apliques.