Chávez cancela reunião com Dilma

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 1 de janeiro de 2011 as 19:35, por: cdb

>
01/01/2011Chávez cancela reunião com Dilma

Renata Giraldi, Luciana Lima e Danilo Macedo

Repórteres da Agência Brasil

 

Brasília – O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, cancelou na noite de hoje (1º) o encontro marcado para amanhã (2) de manhã com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto. Assessores da presidenta afirmaram que Chávez e Dilma conversaram hoje durante a sessão de cumprimentos, logo depois de ela discursar no parlatório.

 

Porém, Dilma tem uma série de encontros com autoridades estrangeiras para amanhã (2) em Brasília. Pela agenda preliminar, Dilma marcou conversas com presidentes, primeiros-ministros e até com o príncipe Felipe, da Espanha.

 

Na fila de cumprimentos, hoje, ao ser parabenizada por alguns líderes políticos, Dilma conversou, abraçou e posou demoradamente para fotografias. Foram os casos da secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, e os presidentes da Venezuela, Hugo Chávez, do Paraguai, Fernando Lugo, e do Uruguai, José Mujica.

 

A conversa com Chávez foi mais demorada. O presidente venezuelano foi um dos primeiros líderes estrangeiros a elogiar publicamente a candidatura de Dilma à Presidência da República. Ao chegar em Brasília, Chávez voltou a elogiar Dilma e a reiterar que a tendência na gestão da presidenta é intensificar a política regional.

 

Dilma também conversou com Mujica e a mulher dele, a senadora Lucía Topolansky. Como a presidenta, o casal uruguaio tem um passado de luta armada contra a ditadura militar. O cumprimento de Mujica e da primeira-dama uruguaia a Dilma gerou comentários entre eles que levaram a um sorriso.

 

Ao abraçar o paraguaio Lugo, Dilma também se demorou. O presidente do Paraguai se recupera de um câncer e ainda apresenta sinais dos efeitos das sessões de quimioterapia – está careca e aparentemente mais pálido.

Edição: João Carlos Rodrigues