César Maia nega contato de Garotinho com PFL

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 23 de junho de 2003 as 14:28, por: cdb

O PFL não faz parte do cardápio de partidos que estaria sendo contemplado pelo ex-governador do Rio Anthony Garotinho como alternativa à sua atual legenda, o PSB. Pelo menos é o que diz o prefeito do Rio, Cesar Maia, principal liderança do PFL fluminense.

“Não há nenhuma conversa”, disse César, afastando rumores que circularam na imprensa durante o último fim de semana.

Ele salientou, porém, que, caso viesse a se interessar em fazer parte do PFL, Garotinho deveria procurar a Executiva Nacional da legenda e não o diretório regional.

– Ele falaria com o senador Jorge Bornhausen (SC), presidente nacional do PFL – emendou.

Desde que criou o movimento Acorda Lula Antes que Seja Tarde – materalizado semana passada em uma manifestação frustrada no centro do Rio – Garotinho praticamente inviabilizou a sua permanência no PSB, que até o momento apóia o governo Luiz Inácio Lula da Silva e as linhas mestras das reformas constitucionais.

César Maia comentou com ironia a falta de informações precisas sobre a suposta peregrinação de Garotinho:

– No fim de semana, vi que ele poderia ir ao PSC [Partido Social Cristão], mas também que ele poderia ficar no PSB – observou.