Centro da Juventude: formado o Comitê Gestor da unidade

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 24 de janeiro de 2012 as 16:18, por: cdb

Os representantes governamentais que integrarão o Comitê Gestor do Centro da Juventude de Cascavel – construído no Bairro Interlagos, região norte da cidade – foi definido em reunião nesta tarde (24) na Secretaria de Assistência Social. O grupo tem a missão de sugerir e fiscalizar ações e atividades para o funcionamento do espaço, destinado a jovens de 12 a 18 anos de idade.

Como é paritário, o Comitê Gestor contará, ainda, com a participação de jovens e representantes da Associação de Moradores do Bairro Interlagos, bem como de colégios estaduais da região norte, de APMFs e de entidades. Os jovens serão indicados no dia 11 de fevereiro, durante o Fórum da Juventude da Região Norte, que está sendo organizado pela própria comunidade.

O Centro da Juventude conta com um bloco para atividades educativas – laboratório, biblioteca, sala de informática, anfiteatro, salas multiuso – além de um bloco para atividades esportivas, contando com praça, teatro de arena, pista de skate e quadra poliesportiva coberta e piscina sem cobertura. O local conta, ainda, com estacionamento para 24 veículos, além de vagas para pessoas com deficiência.

A obra civil foi concluída. O espaço está sendo equipado para que possa ser entregue à comunidade. A data será definida pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social, uma vez que o Centro da Juventude de Cascavel é uma das 30 unidades construídas pelo governo do Paraná.

O Estado financiou a obra com recursos do FIA (Fundo da Infância e da Adolescência). O investimento é de R$ 2.781,445,00 – sendo que R$ 190 mil são destinados à aquisição de materiais e equipamentos e outros R$ 10 mil para custeio. A contrapartida do Município é o terreno de 6,5 mil metros quadrados e o custeio, bem como a disponibilização da equipe técnica que realizará o atendimento aos jovens.

Funcionamento
O trabalho de gestão do novo espaço é intersetorial. Assim, cada secretaria também está indicando os nomes que integrarão a equipe técnica que conduzirá as atividades. A Secretaria de Assistência Social disponibilizará um coordenador para o Centro, um psicólogo, um assistente social, um auxiliar administrativo e auxiliares de limpeza. Oito educadores – que conduzirão as oficinas – serão disponibilizados pelas secretarias de Cultura e de Esporte. As secretarias de Educação e de Saúde também desenvolverão ações no local.

Assim que tudo estiver pronto, serão realizadas reuniões com a comunidade para que possa ofertar horários. A expectativa é de atender até mil jovens.