Carro-bomba mata jovens que jogavam futebol no Iraque

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 27 de fevereiro de 2007 as 19:01, por: cdb

Pelo menos 18 pessoas, a maior parte crianças, morreram nesta terça-feira após a explosão de um carro-bomba na cidade de Ramadi, no oeste do Iraque, informaram autoridades do país.
As crianças tinham entre 10 e 15 anos e estavam jogando futebol quando a bomba foi detonada, de acordo com a polícia da cidade.

No entanto, uma autoridade americana disse que tropas americanas haviam realizado uma explosão controlada próximo ao local onde as crianças jogavam futebol, ferindo algumas pessoas.

Não está claro se este incidente está relacionado com o carro-bomba informado pelas autoridades iraquianas.

Segundo a imprensa internacional, também não se sabe se o local foi escolhido de propósito como alvo para o atentado, mas não é a primeira vez que crianças jogando futebol viram vítimas da violência.

Em agosto, pelo menos 12 jovens morreram quando uma bomba explodiu em um campo de futebol em Bagdá.

Ramadi fica a cerca de 100 km de Bagdá e é a capital da Província de Anbar, considerada o centro da insurgência sunita no Iraque.