Capiberibe recebe defesa de senadores no TSE

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 13 de abril de 2004 as 04:10, por: cdb

Um movimento suprapartidário de apoio ao senador João Alberto Capiberibe (PSB-AP) está em articulação no Senado para tentar impedir a cassação dos mandatos do parlamentar e de sua esposa, deputada federal Janete Capiberibe (PSB-AP). A articulação vem sendo feita pelo senador Tião Viana (PT-AC) que pretende levar, na próxima quarta-feira, os líderes partidários do Senado para uma visita aos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O casal está em julgamento pelo TSE por denúncia de compra de dois votos pelo valor de R$ 26 cada. O candidato derrotado ao Senado, Gilvan Borges (PMDB-AP), é o autor da denúncia e beneficiário direto no caso de uma eventual cassação do mandato de João Alberto Capiberibe.
Documento entregue nesta segunda-feira por Capiberibe aos senadores afirma que ‘todo o processo se baseia no depoimento de duas testemunhas de credibilidade questionável e que afirmaram terem tido seus votos comprados por alguém ligado ao casal’.

Os ministros do TSE iniciaram em 1º de abril o julgamento do processo. Três votaram pela cassação dos mandatos de João Alberto e Janete Capiberibe: Carlos Velloso (relator), José Delgado e Peçanha Martins. O ministro Fernando Neves pediu vista do processo que terá o julgamento retomado na quinta-feira. Se mais um ministro votar pela cassação, o senador e a deputada perderão o mandato.