Canadá identifica mais um caso de infecção pelo mal da vaca louca

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 16 de abril de 2006 as 20:22, por: cdb

Uma vaca leiteira de 6 anos foi afetada pelo mal da vaca louca na província canadense de British Columbia, segundo resultados de exames realizados por ordem do governo, neste domingo. É o quinto caso de um animal nascido no Canadá a contrair a encefalopatia espongiforme bovina (BSE, na sigla em inglês), mas o animal não entrou na cadeia alimentar humana, informou a Agência Canadense de Inspeção Alimentar (CFIA, na sigla em inglês).

“Essa descoberta não afeta a segurança da carne canadense. Nenhuma parte desse animal entrou para o sistema alimentar humano ou de animais”, disse a agência em um comunicado à imprensa. O animal foi identificado em meio a uma série de testes em gado considerado suscetível à doença, e autoridades canadenses têm frequentemente dito esperar que mais casos sejam descobertos.

Os Estados Unidos disseram no domingo que enviarão inspetores ao Canadá, mas autoridades minimizaram o impacto da descoberta no comércio de gado vivo entre os dois países.

“Com base nas informações disponíveis até o momento, eu não antecipo uma mudança no status do nosso comércio”, disse o Secretário de Agricultura dos EUA, Mike Johanns, em comunicado.