Bush reabre debate sobre privilégios de minorias nas universidades norte-americanas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 16 de janeiro de 2003 as 13:37, por: cdb

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, reabriu o debate sobre um tabu que perdura por toda uma geração: a “discriminação positiva” em favor de minorias etnicas naquele país. Ao julgar inconstitucional o sistema de seleção de alunos na Universidade de Michigan, que privilegia com pontos extras as minorias raciais (negros, hispânicos, asiáticos…), o presidente passou suas observações à Suprema Corte dos EUA, que examina a questão.

– Este é um sistema de cotas que recompensa ou que penaliza os estudantes em função de sua raça – afirmou Bush.