Brasileiros confiam mais na mídia do que no governo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 3 de maio de 2006 as 12:12, por: cdb

Os brasileiros são os que menos confiam no governo, segundo uma pesquisa em dez países encomendada pela agências inglesas de notícias BBC e Reuters e norte-americana, The Media Centre. Apenas 30% dos entrevistados no Brasil disseram ter “muita” ou “alguma confiança” no trabalho do governo federal em “benefício da sociedade”.

A pesquisa realizada pela GlobeScan, cujo principal objetivo é medir o grau de confiança na mídia, entrevistou mais de 10 mil pessoas entre 10 de março e 4 de abril. O percentual de entrevistados brasileiros que disse confiar na imprensa em geral foi de 45%, igual ao da Coréia do Sul e maior apenas do que a Alemanha (43%).

Confiança média

Na média dos dez países pesquisados, pouco mais da metade dos respondentes (52%) disseram confiar nos governos nacionais. Os que parecem confiar mais são os indonésios, 71%, seguidos dos americanos (67%) e dos indianos (66%). No extremo oposto, além do Brasil, se encontra a Nigéria (34%). Os respondentes na Rússia (54%), Grã-Bretanha (51%) e Alemanha (48%) apresentam uma posição semelhante à média mundial.

Dos países pesquisados, a confiança no governo não foi medida apenas no Egito. Juntas, as populações dos dez países somam quase 2,3 bilhões de pessoas, o equivalente a quase 40% da população mundial.

A pergunta feita no Brasil foi a seguinte: “Até que ponto o senhor ou a senhora confia em cada uma das seguintes instituições (imprensa e mídia, governo) para trabalhar em benefício da sociedade?”.

As respostas possíveis eram “tem muita confiança”, “tem alguma confiança”, “tem pouca confiança” e “não tem nenhuma confiança”.