Brasil produz inseticida natural e a baixo custo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 30 de setembro de 2003 as 16:28, por: cdb

Uma das principais pragas de propriedades rurais, as formigas, podem ser combatidas com o produto Natucid, 100% natural e sem riscos para crianças ou animais domésticos. Trata-se de um inseticida orgânico, extraído de uma planta originária da Índia, chamada nim, cujo princípio ativo, azadiracta, tem ação inseticida e fungicida.

O produto chamou a atenção do público no estande do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) de Mato Grosso, na Amazontech 2003, que terminou no último sábado (27), em Manaus. Organizado pelo Sebrae e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a Amazontech é o maior evento de promoção de negócios sustentáveis da região amazônica, com a previsão de gerar R$ 80 milhões em transações comerciais entre empresas e instituições científicas renomadas.

Segundo o diretor comercial da empresa Natucid Orgânico, Eduardo da Silva Ramalho, o produto é revolucionário por suas características: extremamente barato; com aplicação simples; 100% eficiente; além de não ser venenoso, não tóxico, não poluente, não químico e de segurança para o ser humano. “O Natucid é o primeiro produto no mundo com essas características. Nos últimos 50 anos, não surgiu nada igual em termos de inseticida”, garante.

Por causa de tais características, o produto fez tanto sucesso no evento, afinal está afinado com a filosofia do Amazontech, evento centrado na promoção de ações tecnológicas que viabilizem o desenvolvimento sustentável da Amazônia Legal, permitindo a exploração econômica da região sem danos ao meio ambiente. A ação do produto natural é repelente e causa desidratação celular nos insetos que, pela contaminação da colônia, leva sua extinção.

Ramalho explica que basta borifar o produto sobre as formigas, que não morrem na hora, mas transportam o veneno para o formigueiro, onde age como fungicida acabando completamente com elas. O produto controla todo tipo de formiga, inclusive as saúvas, terror nas propriedades rurais.

O Natucid Orgânico, cuja distribuição nacional está sediada em Rondonópolis (a 218 km ao sul de Cuiabá), foi inventado pelo pai de Eduardo, Benedicto Caio Ramalho, falecido há dois anos. Dentista e professor de biologia na cidade de Lins, no interior de São Paulo, durante 35 anos, Benedicto era um estudioso e mantinha em casa um pequeno laboratório, onde produzia perfume, pólvora e estudava várias plantas.

Para atender a uma necessidade doméstica, acabar com as pragas da horta orgânica que cultivava no quintal, durante 20 anos, ele pesquisou a nim até chegar à fórmula do Natucid, repassada aos filhos como uma valiosa herança. Uma herança que tem se multiplicado deste então e gerando a cobiça de grandes multinacionais.

Desde que foi lançado no mercado há dois anos, o volume de vendas do Natucid Orgânico tem duplicado a cada ano. A estratégia da empresa é, até 2004, vender o produto em todo o Brasil. Por enquanto, o produto é encontrado, exclusivamente nas lojas de produtos agropecuários. Mas no futuro, será revendido também em supermercados e farmácias.

O lançamento na Região Norte aconteceu no Amazontech. Além da venda e divulgação no estande do Sebrae em MT, o empresário visitou 20 lojas de produtos agropecuários de Manaus e iniciou uma campanha de rádio para difundir o produto. Mato Grosso vai sediar o Amazontech 2004. O evento já está agendado para agosto, no Centro de Eventos do Pantanal.