Brasil pode perdoar 95% dá dívida externa da Bolívia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 16 de novembro de 2003 as 19:37, por: cdb

O Brasil pretende perdoar a maior parte de uma dívida de US$ 53 milhões da Bolívia.
 
– Pelo menos 95% da dívida será perdoada – informou o embaixador brasileiro em La Paz, Antonio Mena Gonçalves.

Ele explicou que, pela lei brasileira e pelo acordo do Clube de Paris não é possível cancelar 100% da dívida. O assunto será discutido terça-feira, quando o presidente da Bolívia, Carlos Mesa, fará uma visita ao Brasil. Representantes dos dois países também discutirão formas de ampliar o comércio bilateral.

– O presidente Lula apóia o governo boliviano – declarou o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim.

– Achamos muito importante dar uma chance, não só em palavras, mas também em condições materiais, dentro das nossas possibilidades, para que o presidente Mesa possa levar adiante seu trabalho. Ele precisa de apoio, nós temos noção disso e queremos fazer isso – falou.