Brasil perde a chance de voltar à elite da Davis

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 11 de abril de 2004 as 16:37, por: cdb

O Brasil não conseguiu superar o desfalque de seus principais tenistas, liderados por Gustavo Kuerten, que boicotaram o evento em protesto contra o presidente da Confederação Brasileira de Tênis, Nelson Nastás, e foi derrotado pelo Paraguai no confronto pelo Zonal Americano da Copa Davis, realizado na Costa do Sauípe, na Bahia, em quadras de saibro.

Neste domingo, Ramon Delgado, número 191 do ranking de entradas da ATP, venceu Alexandre Simoni, número 301, por 3 sets a 0 e fez 3 a 1 no melhor-de-cinco partidas. As parciais foram de 6/1, 7/6 (8/6) e 6/3.

Com a derrota, a equipe brasileira permanecerá na divisão americana da competição e enfrentará a Venezuela, em julho, fora de casa, para tentar se manter na segunda divisão. Caso seja derrotado novamente, o Brasil ainda terá mais uma chance de tentar se manter na segunda divisão, jogando contra o perdedor de Equador e Peru.

O Paraguai vai enfrentar agora um dos oito perdedores da primeira rodada do Grupo Mundial para tentar uma vaga na elite da Davis em 2005.