Brasil e Venezuela negociam ampliação de acordos de defesa nacional, diz Chávez

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 25 de janeiro de 2012 as 05:38, por: cdb

Renata Giraldi*
Repórter da Agência Brasil

Brasília – Os governos do Brasil e da Venezuela devem ampliar as parcerias referentes aos sistemas de defesa nacional dos dois países. O presidente Hugo Chávez reuniu-se ontem (24) à noite com o ministro da Defesa, Celso Amorim, para iniciar as conversas. A ideia é intensificar as parcerias já existentes e estabelecer novos acordos que devem ser definidos ao longo do dia de hoje (25).

“Temos um conjunto de temas muitos importantes para comentar, o mais importante é a consolidação do que já está definido, que é o Conselho de Defesa Sul-Americano. Esse é o tema central, depois a cooperação bilateral Venezuela-Brasil e a paz”, disse Chávez. De acordo com ele, os acordos observam as mudanças mundiais e as novas necessidades decorrentes dessas alterações.

“[Vamos] tratar de temas olhando a paz e a consolidação de uma visão sul-americana da nossa defesa, sem rivalidades entre os países e nos preparando para viver em um mundo cada vez mais complexo, com grandes desafios, e que saberemos enfrentar juntos”, acrescentou.

Para Chávez, o momento é de celebração na América do Sul. “Temos que consolidar a América do Sul como um território de paz”, destacou ele. Amorim chegou ontem, no fim da tarde, em  Maiquetía (no Norte da Venezuela).

*Com informações das agências públicas de notícias da Venezuela, AVN, e de Portugal, Lusa//Edição: Graça Adjuto