“Brasil é forte candidato para organizar a Copa de 2014”

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 21 de dezembro de 2002 as 23:59, por: cdb

O vice-presidente da Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa) e também presidente da Associação de Futebol Argentino (AFA), Julio Grondona, declarou, neste sábado, que o Brasil é forte candidato para organizar a Copa do Mundo de 2014, caso o torneio seja disputado na América do Sul.

“Não acredito que a Argentina seja escolhida”, disse Grondona, em entrevista à rádio La Red, de Buenos Aires.

“E, o Brasil pode ser o organizador, já que não é sede de um Mundial desde 1950 e nós realizamos a Copa de 1978”.

O dirigente frisou que, se o Brasil não organizar o torneio, possivelmente, a Argentina assumirá a responsabilidade.

“Inclusive pode existir uma candidatura conjunta entre Argentina e Chile ou entre Argentina e Uruguai”, comentou Grondona, descartando que seu país pudesse organizar o torneio junto com o Brasil.

“Com o Brasil não seria possível, pois o torneio não pode ser organizado por dois grandes”.

Agora, segundo Grondona, “só falta definir se a Fifa aprovará, em março de 2003, a sugestão do presidente da entidade, o suíço Joseph Blatter, para que o continente sul-americano seja sede da Copa do Mundo de 2014”.

A próxima Copa do Mundo, em 2006, será na Alemanha, e ficou determinado que a de 2010 acontecerá no continente africano.

Assim, em 2014, o torneio pode retornar à América Latina, no novo esquema da Fifa de rotação de continentes.