Bomba mata mulher recém-casada e menino em Bagdá

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 23 de junho de 2004 as 09:11, por: cdb

Qais Saad Abbas levava a mulher para o trabalho em Bagdá nesta quarta-feira quando seu carro passou por uma bomba na rua, matando a moça e um garoto que passava pelo local. “O carro explodiu. Tudo o que pude ver era sangue e minha mulher. Minha mulher estava em perigo”, disse Abbas em um hospital, ferido no braço e na cabeça. “Você pode ligar para saber se ela está bem?”

Sem saber que a mulher com quem havia se casado havia duas semanas estava em um necrotério, Abbas ofereceu telefones de parentes e pediu para funcionários do hospital telefonar e checar se ela sobreviveu.

Os restos queimados de seu táxi branco e laranja ainda estão na rua perto do hospital. Inicialmente, a polícia achou que se tratava de um carro-bomba. “Estávamos eu e minha mulher no carro. Ela ia trabalhar no Ministério do Comércio”, contou Abbas. “Acho que ela está aqui no hospital. Estamos casados faz 15 dias.”

Ainda não está claro quem seria o alvo da bomba na rua, uma das armas favoritas dos rebeldes para atacar veículos militares norte-americanos.