Barrichello vence GP de Indianápolis e fica com o vice-campeonato

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 29 de setembro de 2002 as 22:36, por: cdb

Rubens Barrichello venceu neste domingo o Grande Prêmio dos Estados Unidos de Fórmula 1, em mais uma “dobradinha” com Michael Schumacher, mas esta teve um sabor especial, já que garantiu ao segundo piloto da Ferrari o vice-campeonato mundial da temporada.

Schumacher dominou a prova desde a largada até a última volta, mas, a poucos metros da linha chegada, permitiu a ultrapassagem de Barrichello, que terminou 0,011 segundo à frente do alemão.

Foi a décima quarta vitória da Ferrari em 16 corridas e a oitava em que conquista os dois primeiros lugares.

O britânico David Coulthard, da McLaren, terminou em terceiro lugar, seguido do colombiano Juan Pablo Montoya, da Williams, e do italiano Jarno Trulli, da Renault.

Com esses resultados, e faltando apenas uma corrida para o encerramento da temporada – o GP do Japão – Barrichello passou a somar 71 pontos e não poderá mais ser alcançado no segundo lugar.

A tarefa de Barrichello foi facilitada ainda na parte inicial da prova, quando Ralf Schumacher, da Williams, que estava em quinto lugar, tentou ultrapassar Montoya, e acabou batendo no carro de seu companheiro de equipe.

Ralf Schumacher perdeu o aerofólio traseiro de seu carro e perdeu duas voltas, nos boxes.

Montoya, por sua vez, caiu para sétimo lugar e deixou de ser uma ameaça aos pilotos da Ferrari.

A seguir, os resultados do GP dos EUA:

1. Rubens Barrichello (Brasil), Ferrari, 306,016km em uma hora, 31 minutos e 07,934 segundos.

2. Michael Schumacher (Alemanha), Ferrari, a 0,011 segundo

3. David Coulthard (Grã-Bretanha), McLaren-Mercedes, a 7.798

4. Juan Pablo Montoya (Colômbia), Williams-BMW, a 9.910

5. Jarno Trulli (Itália), Renault, a 56.846

6. Jacques Villeneuve (Canadá), BAR-Honda, a 58.211

7. Giancarlo Fisichella (Itália), Jordan-Honda, a uma volta

8. Jenson Button (Grã-Bretanha), Renault, a uma volta

9. Nick Heidfeld (Alemanha), Sauber-Petronas, a uma volta

10. Eddie Irvine (Alemanha), Jaguar-Cosworth, a uma volta

11. Takuma Sato (Japão), Jordan-Honda, a uma volta

12. Olivier Panis (França), BAR-Honda, a uma volta

13. Heinz-Harald Frentzen (Alemanha), Sauber-Petronas, a duas voltas.

14. Mika Salo (Finlândia), Toyota, a duas voltas

15. Allan McNish (Grã-Bretanha), Toyota, a duas voltas.

16. Ralf Schumacher (Alemanha), Williams-BMW, a duas voltas