Banco Central eleva taxa de juros para 22% ao ano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 20 de novembro de 2002 as 23:38, por: cdb

O Copom (Comitê de Política Monetária) decidiu hoje elevar a taxa básica de juros de 21% para 22% ao ano, sem adotar tendência (viés) – ou seja, o Banco Central não pode mexer na taxa de juros antes da próxima reunião do comitê, em dezembro. É o segundo mês consecutivo em que os juros são aumentados no país.

Como em outubro, a decisão tem como objetivo conter a inflação. No mês passado, os juros foram elevados de 18% para 21% em reunião extraordinária, convocada às pressas, após a disparada da moeda norte-americana.

O aumento dos juros na reunião deste mês era esperado pela maioria dos analistas do mercado.

No mês passado, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) atingiu 1,31%, o maior percentual do ano. No ano, o índice acumula alta de 6,98% e se aproxima da meta máxima acertada com o FMI (Fundo Monetário Internacional) de inflação de até 9% em 2002.

A decisão do Copom corresponde à expectativa de alta da inflação em 2003. De acordo com o relatório semanal divulgado pelo BC, a projeção dos analistas de mercado para a inflação no próximo ano passou de 9% para 9,81%.

Ao mesmo tempo, juros mais elevados significam maiores custos para o governo rolar a dívida pública e para as empresas tomarem empréstimos. Por isso, a taxa mais alta aumenta o risco de recessão para a economia brasileira.