Bahrein e Jordânia vivem dia tenso devido a confrontos entre manifestantes e forças policiais

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 25 de março de 2011 as 12:16, por: cdb

Da Agência Telam

Brasília – O dia de hoje (25) foi de tensão e apreensão no Bahrein e na Jordânia devido aos confrontos entre manifestantes e forças de segurança dos respectivos governos. No Bahrein, policiais dispararam gás lacrimogêneo contra os manifestantes, depois que um líder religioso xiita disse que as mudanças exigidas não podem ser silenciadas pelo uso da força.

Na Jordânia, mais de 100 pessoas ficaram feridas em confrontos entre manifestantes que estão acampados na principal praça da capital, Amã, e simpatizantes do governo do rei Abdullah II. Os manifestantes reivindicam reformas do regime e o julgamento dos acusados de corrupção.

Várias manifestações têm sido organizadas tanto na Jordânia quanto no Bahrein nos últimos meses. Os manifestantes desafiam as ordens para evitar os protestos e as aglomerações. No Bahrein, vigora o Estado de Emergência, que conta com o apoio de militares da Arábia Saudita.

Os governos do xeque Al Khalifa, do Bahrein, e do rei Abdullah II, da Jordânia, são acusados pelos manifestantes de concentrar o poder, limitar a liberdade de expressão e de não permitir a existência de oposição política.

InternacionalJordâniabahreinprotestos