Bagdad sofre nova onda de bombardeios

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 27 de março de 2003 as 13:45, por: cdb

Fortes explosões sacudiram nesta quinta-feira o centro e a periferia de Bagdad, enquanto se completava a primeira semana do início da campanha militar liderada pelos Estados Unidos para derrubar o regime do presidente do Iraque, Saddam Hussein.

Inicialmente, houve três grandes explosões, e aviões da coalizão, que sobrevoavam a cidade, atraíram fogo antiaéreo, informou um correspondente da agência de notícias Reuters na capital iraquiana.

Pouco depois, outra série de explosões sacudiu o centro da cidade. Emissoras de televisão árabes informaram que bombas caíram perto do Ministério da Informação.

Mas, logo em seguida, autoridades iraquianas concederam uma entrevista coletiva no prédio do ministério, com transmissão pela tevê.

Moradores da cidade disseram que muitos dos bombardeios mais recentes se concentraram em áreas do sul e do leste da capital, onde estariam unidades da Guarda Republicana.

Na quarta-feira, 15 civis morreram no bairro residencial de Shaab, no norte de Bagdad.

As autoridades iraquianas e testemunhas atribuíram as explosões que causaram as vítimas a um bombardeio de mísseis norte-americanos.

Os Estados Unidos, no entanto, rejeitaram as acusações e anunciaram que a responsabilidade pelo incidente ainda estava sendo investigada.