Assembleia de Inquilinos decide concentração contra a nova lei das rendas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 as 10:45, por: cdb

A Comissão de inquilinos da Avenidas Novas reuniu cerca de 200 pessoas na escola preparatória Eugénio dos Santos, em Lisboa, para fazer o balanço do combate à nova lei do arrendamento urbano, ouvir os partidos com assento parlamentar sobre a matéria e decidir novas ações de luta.Artigo |28 Fevereiro, 2012 – 17:40Duas centenas de inquilinos participaram nesta assembleia em Lisboa. Foto Ricardo Moreira

Os inquilinos presentes nesta assembleia decidiram endurecer as ações de luta e convocaram uma concentração de inquilinos e comerciantes para esta sexta-feira às 15h na praça de Alvalade em Lisboa.

Nesta sessão estiveram presentes representantes do Bloco de Esquerda, do Partido Comunista e o deputado Miguel Coelho do PS, que votou contra a lei do arrendamento ao contrário de toda a sua bancada parlamentar. Os partidos exprimiram as suas divergências com esta lei e lamentaram que o PSD e o CDS não tenham querido ouvir as críticas e angustias das centenas de inquilinos que se encontravam naquela reunião.

A Associação de Inquilinos Lisbonenses também esteve presente e teceu pesadas críticas à proposta do Governo, nomeadamente no que toca ao período de adaptação e à taxa de esforço que o governo exige dos inquilinos.

Artigos relacionados: Arrendamento: Bloco quer 15 anos para subida de rendas antigas Lei dos despejos e crise na habitação