Após derrota, jogadores do Fla pregam tranquilidade

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 24 de junho de 2012 as 15:28, por: cdb

Depois de saírem derrotados pela primeira vez neste Brasileirão, os jogadores do Flamengo não esconderam a tristeza pela derrota, mas ressaltaram que numa competição equilibrada como essa não se pode ganhar todas. Tanto Ibson quanto Renato e Paulo Victor reconheceram que o Grêmio foi melhor e mereceu o triunfo. No entanto, os três atletas prometeram que não vão baixar a cabeça, trabalhando forte para voltar a vencer em casa, na próxima rodada, diante do Atlético-GO.

Ibson ressaltou que o primeiro tento gremista foi fruto de um erro coletivo do Flamengo e que, quando o time poderia melhorar, no início do segundo tempo, acabou levando mais um gol, numa bola parada.

“O primeiro gol foi erro nosso e na segunda etapa, quando mostramos uma melhora, levamos outro, numa bola parada, logo no início. Não adianta ficar aqui lamentando. Temos que correr atrás dos pontos perdidos dentro de casa, na próxima rodada”, afirmou o camisa 7.

Renato, que foi capitão do time no confronto com o Grêmio, analisou que o Flamengo pecou ao ‘entrar no jogo’ dos gaúchos.

“Hoje não deu para vencer. Acabamos entrando na correria, no ritmo do Grêmio. Quando colocamos a bola no chão, conseguimos até criar alguma coisa, mas não era nosso dia. O Brasileiro é uma competição muito complicada e nem sempre iremos vencer os jogos. O que não pode acontecer é se abalar com a derrota. Temos que manter o foco no trabalho para voltar a vencer”, disse Renato.

Mesmo vazado duas vezes, Paulo Victor teve mais uma boa atuação na meta rubro-negra. O arqueiro fez belas defesas, mas não conseguiu evitar a derrota. Mesmo assim, pediu serenidade para que as vitórias voltem a acontecer.

“Tenho que tentar sempre dar o meu melhor. Mas eles foram melhores e venceram. O Grêmio é muito forte dentro de casa e provou isso. Agora só nos resta continuar fechados, pensando em trabalhar forte mais uma semana para vencermos novamente no Brasileiro”, finalizou.

O Flamengo está de folga nesta segunda-feira (25.06) e volta a trabalhar na terça, no centro de treinamento rubro-negro, em Vargem Grande.