Amorim defende articulações para acabar com a guerra

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 25 de março de 2003 as 13:39, por: cdb

Ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim defendeu, nesta terça-feira, a continuidade das articulações diplomáticas, ao falar sobre a ofensiva militar dos Estados Unidos sobre o Iraque.

“O primeiro objetivo é fazer com que as hostitlidades dos dois lados cessem o mais rápido possível. O segundo, é possibilitar a normalização da vida no Iraque, e, o terceiro, é o refortalecimento do sistema da ONU, que saiu abalado deste episódio”, explicou o chanceler, ao abrir, pela manhã, no auditório do Instituto Rio Branco, mesa redonda sobre o papel da mulher na diplomacia.