Altman deixa saudades no último adeus

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 22 de novembro de 2006 as 13:23, por: cdb

O diretor americano Robert Altman morto aos 81 anos em um hospital em Los Angeles, nesta segunda-feira, foi enterrado nesta quarta-feira em Los Angeles. Altman morreu na noite de segunda-feira, de acordo com informações divulgadas pelo estúdio Sandcastle 5 Productions Company. A causa da morte de Altman – que havia passado por um transplante de coração em 1995 – permanece em sigilo.

O diretor ficou conhecido por fazer filmes e seriados de televisão de sátira em Hollywood. Entre suas obras mais conhecidas estão a série e longa-metragem M.A.S.H (1970) e o filme O Jogador (1992).

Em março, ele recebeu um Oscar honorário pelo conjunto da sua obra. Ele já havia concorrido a melhor diretor cinco vezes, mas nunca ganhou o prêmio. Segudo a academia americana de cinema, Altman “repetidamente reinventou a arte” do cinema.

– Nunca tive de dirigir um filme que eu não tivesse escolhido ou desenvolvido. Meu amor pelo cinema me deu uma entrada ao mundo e à condição humana – disse Altman, na cerimônia de entrega do prêmio.

Neste ano, o cineasta lançou o filme A Última Noite, com Meryl Streep.

– Robert Altman era verdadeiramente um diretor único e um homem extraordinário. Estamos todos tristes com a notícia – disse o ator Kevin Spacey.

Spacey é diretor do teatro londrino Old Vic, onde Altman ensaiava seu último projeto, a produção da peça Resurrection Blues, de Arthur Miller.

– Ele era um gigante da indústria, e mantinha uma rebeldia juvenil até seu 81º ano – disse à agência inglesa de notícias BBC o ator e escritor Julian Fellowes, que escreveu o roteiro para o filme de Altman Assassinato em Gosford Park (2001).