ALERJ vota cassação de deputado

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 4 de junho de 2003 as 18:24, por: cdb

O deputado Marcos Abrahão (PSL) apresentou às 17h30 sua defesa no Plenário da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro. “Estou sendo crucificado. Mas se aqui ficar cumprirei meu mandato com vigor em respeito por aqueles que em mim votaram. No entanto, se eu perder o mandato, lutarei na justiça para provar minha inocência”, declarou Abrahão. Antes dele, subiram à Tribuna em sua defesa os deputados Nubia Cozzolino (PP), Paulo Ramos (PDT), Cidinha Campos (PDT), José Nader (PTB), Albano Reis (PMDB), Andréia Zito (PSDB) e Flávio Bolsononaro (PP).
Neste momento está se processando a votação do projeto de resolução, de autoria da Comissão de Constituição e Justiça, que decreta a perda de mandato do deputado, por quebra de decoro parlamentar.