Além de Lula, só Zapatero e Chávez foram chamados para o Fórum

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 6 de janeiro de 2005 as 17:09, por: cdb

Além do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, só outros dois governantes foram convidados para o Fórum Social Mundial, em Porto Alegre: o espanhol José Luis Rodríguez Zapatero e o venezuelano Hugo Chávez.

Fontes ligadas ao Fórum Social, que começa no próximo dia 26, confirmaram hoje à EFE que o presidente do governo espanhol foi convidado pelo grupo Global Call to Action Against Poverty (GCAAP), criado no ano passado na África do Sul e integrado por 70 organizações não-governamentais.

Até agora, segundo as fontes, Rodríguez Zapatero não deu uma resposta definitiva, embora na Secretaria do Fórum Social se tenha “quase certeza” que que ele estará presente nem que seja por um dia.

Fontes da organização do Fórum Social confirmaram também à EFE que o presidente venezuelano Hugo Chávez está sendo esperado em Porto Alegre. Um dia antes do encerramento do encontro, ele participará de um debate organizado pela Via Camponesa, organização que reúne pequenos agricultores de cerca de cem países.

O presidente espanhol Rodríguez Zapatero estará no Brasil em visita oficial entre 23 e 25 de janeiro e viajará em seguida para a Argentina, em sua primeira viagem à América do Sul desde que assumiu o cargo, no ano passado.

A quinta edição do Fórum Social Mundial será aberta no dia 26, em Porto Alegre. O movimento é uma antítese do Fórum Econômico Mundial, que é realizado todo ano na cidade suíça de Davos.

Porta-vozes do Instituto Brasileiro de Análise Sociais e Econômicas (Ibase), que integra a GCAAP, disseram à EFE que Lula e Rodríguez Zapatero foram convidados porque ambos compartilham a luta contra a fome e a miséria, assim como o Fórum.

Além disso, os dois presidentes se opuseram à intervenção americana no Iraque e no Afeganistão, que no Fórum Social é chamada de “guerra de Bush”.

Os estatutos do Fórum Social Mundial impedem a participação de chefes de Estado ou membros de governos a menos que sejam convidados especialmente para alguma atividade específica.

Lula, que já confirmou sua presença, e Rodríguez Zapatero são esperados para uma conferência na qual será debatida a fome no mundo, no próximo dia 27.

Em 2003, no último encontro realizado em Porto Alegre, a presença do presidente venezuelano Hugo Chávez causou polêmica.

Chávez não havia sido convidado pelo Fórum Social, mas fez uma visita oficial à cidade nos mesmos dias do encontro.

Embora Chávez não tenha pisado nenhum espaço do Fórum, muitos ativistas ficaram incorfomados com o que consideraram uma atitude “oportunista” do chefe de Estado venezuelano.