Alckmin e Serra visitam parentes de Alencar no hospital

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 29 de março de 2011 as 19:30, por: cdb

Bruno Bocchini
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – O governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o ex-governador paulista, José Serra, visitaram na noite de hoje (29) parentes do ex-presidente da República José Alencar que morreu na tarde de hoje no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista.

Alckmin lembrou a história de empreendedorismo de Alencar, sua luta pela vida, e sua carreira na política. “Esse carinho do povo brasileiro ao José Alencar mostra que a população brasileira separa os políticos honrados, que servem ao povo, que fazem da vida política um serviço para melhorar a qualidade de vida e ajudar ao povo brasileiro”.

O governador ressaltou a importância política que o ex-vice presidente teve na chapa do ex-presidente Lula, quando da campanha eleitoral de 2002. “Ele era um dos homens mais ricos do Brasil e ajudou o Lula, metalúrgico, a ser presidente da República. [Depois de eleito] foi muito leal durante os oito anos de governo”.

De acordo com o governador, os parentes do ex-vice-presidente contaram que Alencar estava lúcido até a noite de ontem (29), e que conversava com os médicos.

Serra afirmou que apesar de estarem em lados opostos na política, sempre o admirou. “A política apontou para caminhos diferentes, mas sempre guardei respeito. É alguém que lutou muito pela vida, com garra, serenidade e otimismo. É um exemplo de espírito de luta. Seria preciso mais gente assim”.

 

 

Edição: Rivadavia Severo

AlckminAlencarPolíticamorterepercussãoserra