Ação da Covisa no carnaval reduziu riscos à saúde da população

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 1 de março de 2012 as 13:26, por: cdb

Com o foco de trabalho voltado à missão de avaliar as condições higiênico-sanitárias dos ambulantes que aproveitaram o período carnavalesco para reforçar o orçamento mensal, a equipe de técnicos da Inspetoria de Alimentos da Vigilância Sanitária de Maceió percorreu todos os polos da folia momesca definidos pela Prefeitura Municipal para o carnaval deste ano.
Em cada um dos locais inspecionados pelos fiscais da Visa Municipal – praças Moleque Namorador e Multieventos, Mirante do Jacintinho e Pontal da Barra – foram encontradas irregularidades, no que se refere às condições inadequadas de higiene na comercialização dos alimentos e no acondicionamento destes, além da higiene pessoal dos ambulantes.
“Esses fatores caracterizam-se em vetores significativos no processo de proliferação de doenças transmitidas pelos alimentos, que têm as carnes e os queijos como ‘carros-chefe’ no que diz respeito aos riscos de contaminação durante a manipulação, exposição e transporte”, explica a inspetora de alimentos Elizete Pereira, que integrou a equipe de fiscalização com os fiscais Abenilton Tenório, José Gonçalves da Silva e Marcílio França.
Atentos a toda estrutura de produtos comestíveis disponibilizada aos consumidores nos polos carnavalescos, os fiscais da Visa repassaram as orientações necessárias – em especial aos chamados ambulantes de ocasião, que exercem a atividade apenas em datas festivas – não só em relação aos alimentos, mas também ao descarte e recolhimento de resíduos, realizando a apreensão de materiais e produtos inadequados apenas quando necessário à manutenção das regras estabelecidas pela legislação sanitária vigente.
Além dos alimentos, os inspetores estenderam o trabalho de fiscalização aos banheiros químicos espalhados pelos locais de concentração da folia, observando seu funcionamento e condições de limpeza.