Acabou a greve no BB do Rio, mas a Caixa mantém

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 16 de outubro de 2003 as 21:33, por: cdb

Os funcionários do Banco do Brasil no Rio decidiram em assembléia na noite desta quinta-feira aceitar a nova proposta do banco de reajuste linear de 12,6% para todos os funcionários e a cesta-alimentação de R$ 200.

Antes, a proposta era de 6,14% sobre o salário-base e 12,6% sobre o piso, o que não beneficiava, segundo a categoria, a maioria dos bancários.
 
A Caixa Econômica Federal ainda não apresentou nova proposta e por isso a paralisação vai continuar. Nesta quinta, os bancários fizeram uma manifestação por reajuste salarial junto com os petroleiros, em frente à Petrobras.

Os petroleiros do Rio decidiram entrar em greve a partir do dia 28, caso as negociações com a empresa não avancem. Eles reivindicam 15,5% de reajuste