700 mil metros de vegetação são destruídos pelo fogo em BH

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 25 de setembro de 2003 as 21:00, por: cdb

Os incêndios que atingem matas da região metropolitana de Belo Horizonte já queimaram mais de 700 mil metros quadrados de vegetação. A informação é do Corpo de Bombeiros de Minas, que só nesta quinta-feira recebeu 32 chamados e continua combatendo 14 focos de incêndio na capital. Cerca de 200 homens estão envolvidos nos trabalhos.

No início da tarde, os bombeiros conseguiram controlar o fogo na Serra do Curral, que circunda a capital mineira, depois que quase 20 mil metros quadrados de vegetação protegida foram destruídos. As chamas também foram controladas na Serra da Piedade, em Caeté, na Grande Belo Horizonte, depois de queimarem 18 hectares de mata e ameaçarem um asilo da região. Ninguém ficou ferido.

Já na região da Serra da Moeda, na BR-040, a cerca de 50 quilômetros de Belo Horizonte, 40 bombeiros trabalham desde quarta no combate às chamas. Outros focos atingem as regiões de Juatuba, Mateus Leme, Contagem, Nova Lima e Betim. Neste último, os bombeiros trabalham para evitar que o fogo chegue aos tanques de petróleo da Refinaria Gabriel Passos, que fica ao lado da mata. A temperatura registrada nesta quinta-feira em Belo Horizonte foi a maior do ano, 34,3.