48 corretores e executivos são presos por fraude em Nova York

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 19 de novembro de 2003 as 00:49, por: cdb

Agentes do FBI, a polícia federal americana, prenderam na última terça-feira em Nova York 48 corretores, executivos e até vice-presidentes do mercado de câmbio em uma aparente investida sobre várias empresas bem conhecidas em Wall Street, entre elas a Madison Deane and Associates Inc. e a corretora Icap.

Os agentes do FBI entraram à tarde no Two World Financial Center e levaram em furgões e outros carros vários homens de terno. Alguns deles cobriam a cabeça com o paletó enquanto outros baixavam a cabeça para se livrarem das  câmeras. A operação no centro de Manhattan durou cerca de duas horas.

– Foi uma fraude cambial, uma fraude de ações. Houve uma investigação muito grande. As prisões ainda estão ocorrendo hoje – disse um agente que se encontrava no lugar das prisões.

Uma fonte disse que três corretores da Icap tinham sido presos. Um funcionário da Madison Deane afirmou que sete funcionários da empresa de câmbio foram presos: três sócios, três vice-presidentes e um corretor.