2,5 milhões de pessoas devem passar pelos cemitérios do Rio

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 2 de novembro de 2003 as 11:54, por: cdb

Chove em toda a região metropolitana do Rio de Janeiro. Apesar do tempo chuvoso, o movimento é grande nos principais cemitérios da cidade neste dia de Finados. Só no cemitério São Francisco Xavier, no bairro do Caju, são esperadas mais de 1,2 milhão de pessoas. Lá estão os túmulos de artistas conhecidos, entre eles Noel Rosa, Orlando Silva e Tim Maia. No lado de fora do cemitério, comerciantes de flores e de velas ocupam grande parte das ruas com suas barracas. A segurança do São Francisco Xavier está sendo feita por 230 policiais militares e 16 agentes da polícia civil. No município do Rio de Janeiro, existem 21 cemitérios, sendo 13 municipais e oito particulares, que devem receber a visita de mais de 2,5 milhões de pessoas hoje.

O cardeal-arcebispo do Rio de Janeiro, dom Eusébio Scheid, acabou de celebrar uma missa na capela do cemitério São Francisco Xavier. Ao meio-dia, um helicóptero vai jogar uma tonelada de pétalas de rosas sobre os túmulos.

No cemitério São João Batista, em Botafogo, a movimentação também é intensa. A previsão é de que 100 mil pessoas compareçam ao local. Em outros cemitérios da cidade, como o do Pechincha, em Jacarepaguá; o Jardim da Saudade, em Sulacap; o São Francisco de Paula, no Catumbi; e o da Cacuia, na Ilha do Governador, a visitação também é grande.